Segunda - sexta 08h às 12h e 13h às 16h e aos Sábados 7h às 12h | 11 94818-6639

DENGUE

O que previne?

  • Infecção causada pelos quatro sorotipos de dengue: DEN1, DEN2, DEN3 e DEN4.

 

O que é dengue?

  • A doença apresenta período de incubação de quatro a dez dias (média de cinco a seis dias).
  • A infecção pode ser assintomática ou causar um amplo espectro de quadros clínicos, desde formas pouco sintomáticas até quadros graves, com ou sem hemorragia.
  • Normalmente, o primeiro sintoma é a febre alta (39° a 40°C) de início súbito, durando de dois a sete dias, podendo ser acompanhada de dor de cabeça, dores no corpo e articulações, prostração, fraqueza, dor atrás dos olhos, erupção e prurido cutâneo.
  • Perda de peso, náuseas e vômitos são comuns.
  • Nessa fase inicial, pode ser difícil diferenciá-la de outras doenças febris.
  • Geralmente, entre o terceiro e o sétimo dia da doença, ocorre uma diminuição ou desaparecimento da febre e alguns casos evoluem para a recuperação e cura; outros, porém, podem apresentar sinais de alarme, evoluindo para as formas graves da doença.
  • Os principais são: dor abdominal intensa e contínua, vômito persistente, sangramento de mucosas (nariz, gengivas), hipotensão, letargia, sonolência ou irritabilidade e tontura.
  • Na presença destes sinais, procurar atendimento médico é extremamente importante.

 

Transmissão:

  • Quando uma fêmea do mosquito Aedes Aegypti pica uma pessoa infectada, o vírus da dengue que circula no sangue é ingerido, infecta o mosquito e pode ser transmitido para outras pessoas que forem picadas.
  • O mosquito contaminado é capaz de disseminar a doença durante todo seu ciclo de vida (cerca de seis a oito semanas).
  • Casos de transmissão vertical (da gestante para o feto) e por transfusão sanguínea já foram registrados.

 

Faixa Etária

  • A vacina está licenciada para crianças a partir de 9 anos de idade, adolescentes e adultos até 45 anos e é recomendada para indivíduos previamente infectados por um dos vírus da dengue (soropositivos com ou sem história da doença).

 

Pedido Médico

  • Necessita de avaliação medica após resultado de exame sorológico positivo para Dengue.

 

Esquema Vacinal

  • Três doses com intervalo de seis meses.

 

Via de Aplicação

  • Subcutânea.

 

Efeitos e Eventos Adversos

  • As reações adversas mais frequentemente relatadas foram: dor de cabeça, dor no local da injeção, mal-estar e mialgia.
  • As reações foram geralmente de gravidade leve a moderada e de curta duração (até três dias). O início foi tipicamente observado em até três dias após a vacinação, com exceção da febre, que surge dentro de 14 dias após a aplicação da vacina.
  • As reações adversas sistêmicas tendem a ser menos frequentes após a segunda e a terceira doses.

 

Interação Entre Vacinas

  • Pode ser aplicada concomitantemente com outras vacinas vivas ou inativadas no mesmo dia, caso isso não ocorra, o intervalo deve ser de 4 semanas para as vacinas vivas.

 

Orientações

  • É sugerido avaliar com seu médico a indicação da vacina, já que em pessoas vacinadas não infectadas previamente foi observado um risco aumentado de hospitalização e dengue com sinal de alarme. 
  • A vacinação de pessoas portadoras do vírus HIV deve ser avaliada por médico, que pode prescrevê-la se não houver comprometimento do sistema imunológico.
  • Em pacientes que receberam tratamento com doses elevadas de corticosteroides sistêmicos por duas semanas ou mais, é preciso adiar a vacinação até a função imunológica estar restaurada (no mínimo quatro semanas após a interrupção do tratamento).
  • As mulheres em idade fértil devem evitar engravidar por quatro semanas após vacinação.
  • Compressas frias (temperatura ambiente) aliviam a reação no local da aplicação. Nunca realizar compressas quentes ou geladas.
  • Em casos mais intensos pode ser usada medicação para dor, sob prescrição médica.
  • Sintomas de eventos adversos persistentes, que se prolongam por mais de 72 horas (dependendo do sintoma), devem ser investigados para verificação de outras causas.

 

Contra indicação

  • Pessoas imunodeprimidas;
  • Alergia grave (anafilaxia) a algum dos componentes da vacina.
  • Gestantes;
  • Mulheres amamentando;
  • Pessoas sem contato prévio com o vírus da dengue (soronegativos);
  • Em caso de doença aguda com febre, a vacinação deve ser adiada até que ocorra a melhora;
  • Indivíduos com hipersensibilidade conhecida a qualquer componente da vacina;
  • Indivíduos fora da faixa etária.
Entre em contato
© 2022 - Biológico Vacinas desenvolvido por ConnectAll